Resultados do estudo de impacto social

Constata-se que os empreendedores inquiridos se mostram satisfeitos com o apoio prestado pelo Católica-MOVE, tanto na aquisição dos fundos necessários para iniciarem ou expandirem os seus negócios, como também no acompanhamento por parte dos fellows através das formações realizadas, monitorização do estado do empréstimo e efeito enquanto consultores e advisors.

A análise dos dados revela uma subida do rendimento médio por empreendedor em 4,3%. Este efeito é no entanto influenciado pelo facto de muitos dos empreendedores entrevistados ainda se encontrarem em processo de pagamento dos empréstimos contraídos. (Gráfico 1)

Grafico1

Este efeito resultado impacto conseguido junto de 36% dos empreendedores entrevistados, que revelaram um aumento no seu rendimento na ordem dos 382% (rendimento mensal antes do empréstimo vs. altura da entrevista). Os restantes 64% da amostra apresentam um efeito nulo no rendimento médio mensal com um impacto negativo médio de 24,9%, devido ao pagamento das prestações necessárias ao cumprimento das obrigações bancárias. (Gráfico 2).

Grafico2

Grafico3

Adicionalmente, observa-se um efeito positivo do fator poupança no rendimento médio conseguido, dado que 80% dos inquiridos que poupam têm rendimentos superiores a 1.500 Meticais por mês enquanto apenas 30% dos que dizem não poupar apresentam o mesmo tipo de rendimento. (Gráfico 3)

O sucesso obtido durante os anos de atuação reflete-se igualmente na atitude dos empreendedores em relação ao projeto e à importância da Católica-MOVE para o êxito dos seus negócios: 30% dos inquiridos considera que o projecto o ajudou um pouco e 60% considera que a ajuda foi bastante significativa. O efeito positivo foi igualmente percecionado nos microcréditos, com 80% dos inquiridos a responderem que recorreriam novamente a este tipo de ferramenta como forma de expandirem as suas empresas.

As populações pobres estão normalmente privadas do acesso aos produtos (como redes mosquiteiras) que poderiam resolver problema de saúde evitáveis (como a Malária), devido ao elevado peso dos mesmos no seu orçamento familiar. Na tentativa de demonstrar o impacto da concessão de microcrédito na Ilha de Moçambique, apresentamos de seguida alguns indicadores de impacto social, de acordo com a metodologia seguida pelo Acumen Fund. Esta metodologia realça a importância do rendimento acrescido para o agregado familiar como forma de aumentar o acesso a “produtos sociais”, como são a educação e os cuidados de saúde. (Tabela 1)

 

Tabela 1 - Impacto Social
Rendimento médio antes da concessão 4 4.350 Meticais
Rendimento médio aquando da entrevista 4.843 Meticais
 Preço médio do mosquiteiro 1 20 Meticais
Resultado do investidor 1     Mosquiteiros 4,10
 Factor de impacto2     Pessoas protegidas/mosquiteiro 2
Impacto Social 8,21

1 O resultado do investidor representa o número médio de pessoas adicionais que poderão ter acesso a redes mosquiteiras.

Cookie Settings